Av. Nilza de Oliveira Pipino, 1852 - CEP 85440-000 | (44) 3543-8000 | ubirata@ubirata.pr.gov.br
Acessibilidade

DESENVOLVIMENTO

Prefeito Fábio D?Alécio assina convênio em Curitiba representando todos os prefeitos do Paraná


Ouvir matéria

Convênio assinado prevê 480 sistemas de abastecimento de água em 99 comunidades rurais de 96 municípios. Em Ubiratã, o abastecedouro será instalado no Distrito de Yolanda

 

Um público de cerca de 300 pessoas, formado por prefeitos, lideranças das associações regionais, deputados estaduais, secretários de Estado e dirigentes de empresas públicas parananenses participaram na manhã dessa terça-feira (12), no Salão de Atos do Palácio Iguaçu, em Curitiba, da solenidade de assinatura dos convênios para a primeira etapa da implantação de sistemas de abastecimento de água que irão beneficiar 99 comunidades rurais de 96 municípios. O investimento será de R$ 11,5 milhões e vai beneficiar 20 mil pessoas.

 

O governador Beto Richa frisou ser esse programa plano de governo e que sua execução foi antecipada. “Esse programa é uma conquista de todos, pela soma de esforços e o trabalho em sinergia das secretarias, com participação de deputados estaduais, prefeitos, lideranças e nossos técnicos”, disse Richa. “Trabalhando juntos chegamos mais rapidamente às soluções”, afirmou, lembrando que o governo tem adotado uma série de medidas para melhorar a vida no campo.

 

FÁBIO D’ALÉCIO REPRESENTOU TODOS OS PREFEITOS DO PARANÁ

O presidente da Comunidade dos Municípios da Região de Campo Mourão (Comcam) e prefeito de Ubiratã, Fábio D‘Alécio, representou todos os administradores municipais do Paraná ao primeiramente assinar o termo em nome dos prefeitos conveniados e posteriormente discursar para a seleta platéia.

 

D’Alécio agradeceu pela forma como os municípios têm sido atendidos pelo governo. “Somos muito gratos pelo tratamento que estamos recebendo”, disse D’Alécio, lembrando que esse programa vai fazer com que os pequenos produtores rurais tenham resultados ainda mais positivos em suas atividades agrícolas.

 

“O programa vai fazer com que o campo também acompanhe o desenvolvimento humano e social que tem sido executado nas zonas urbanas. É uma importante ferramenta de modernizar a produção da agricultura familiar e das pequenas agroindústrias”, pontuou o prefeito de Ubiratã, que agradeceu a oportunidade em poder representar os prefeitos do Estado.

 

COMO FUNCIONA O PROGRAMA?

O programa completo prevê a construção de 480 sistemas de captação de água até2014, aum custo estimado de R$ 58 milhões. Cada unidade é composta pelo poço, a rede elétrica - que será fornecida pela Copel - e as bombas. Cada sistema está orçado em R$ 185 mil. Desse total, o Estado entra com R$ 123,5 mil. A diferença fica a cargo das prefeituras, como contrapartida.

 

Os sistemas de abastecimento público de água serão implantados em áreas de microbacias, conforme as normas do Programa Estadual de Manejo de Solos, Água e Biodiversidade em Microbacias, executado pela Secretaria da Agricultura e do Abastecimento, que irá coordenar o programa. Além de melhorar a qualidade da vida doméstica nas comunidades carentes, com o fornecimento de água de qualidade, os sistemas permitirão irrigar áreas de plantio e beneficiarão pequenos produtores de leite, frangos e suínos, facilitando a limpeza de equipamentos e garantindo o consumo animal.

Fonte: Robson Alexandre/Agência Estadual de Notícias - 12 de Junho - 18:09

Data de Publicação: 12/06/2012

Cerca de 300 pessoas participaram desse importante ato realizado na manhã dessa terça, em Curitiba Crédito: Agência de Notícias do Paraná
Legenda: Cerca de 300 pessoas participaram desse importante ato realizado na manh? dessa ter?a, em Curitiba

 Galeria de Fotos

 Veja Também