Av. Nilza de Oliveira Pipino, 1852 - CEP 85440-000 | (44) 3543-8000 | ubirata@ubirata.pr.gov.br
Acessibilidade

COMCAM

Prefeito Baco participou de reuni?o sobre combate ?s drogas e tratamento de dependentes


Ouvir matéria

O prefeito de Ubiratã, Haroldo Fernandes Duarte, participou na terça-feira (18), na sede da Comcam (Comunidade dos Municípios da Região de Campo Mourão), de uma reunião onde foram discutidas as estratégias de enfrentamento às drogas e a implantação de um Centro de Atenção Psicossocial de Álcool e Outras Drogas 24h – CAPS AD III - para atender a população dos 25 municípios da Região de Campo Mourão.

 

O administrador ubiratanense esteve acompanhado da secretária de Saúde, Cristiane Martins Pantaleão e da diretora do Hospital Santa Casa, Lílian Welz.


A iniciativa desse encontro, que reuniu representantes do Cis-Comcam, secretários municipais de Saúde e prefeitos da região, foi da Promotoria de Justiça de Campo Mourão, que teve todo respaldo por parte dos promotores que atuam em municípios comarcas da região. As ações de combate as drogas integram o Projeto Regional do Planejamento Institucional do Ministério Público do Paraná.

 

O procurador de Justiça do Paraná, Marco Antônio Teixeira, apresentou um estudo sobre como funciona e quais as ferramentas e normativas necessárias para se implantar esse importante serviço público na região.

 

Para o prefeito de Ubiratã, a iniciativa do Ministério Público é louvável, pois a sociedade e as instituições devem se unir para enfrentar esse grave problema que são as drogas. “O CAPS constitui um serviço comunitário que tem como papel cuidar de pessoas, por isso, temos que incentivar e apoiar todas as ações que venham de encontro ao bem estar e a saúde da população”, relatou Haroldo Fernandes Duarte.

 

CAPS AD III

O Centro de Atenção Psicossocial de Álcool e Outras Drogas 24h (CAPS AD III) oferece tratamento ambulatorial, em meio aberto, com Plano Terapêutico Individualizado, de acordo com as necessidades avaliadas para cada indivíduo. O tratamento intensivo no CAPS AD III pode incluir a utilização de leitos de hospitalidade noturna, como opção terapêutica. Conforme as políticas públicas de saúde vigentes, o serviço utiliza a estratégia de redução de danos (não é exigida abstinência para inserção no tratamento, com diferentes meios para trabalhar prejuízos decorrentes da drogadição), ofertando também assistência aos familiares de usuários de drogas, com orientação e apoio especializados.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social

Data de Publicação: 20/03/2014

Promotores, prefeitos e secretários municipais de Saúde se reuniram para discutir o assunto Crédito: Robson Alexandre
Legenda: Promotores, prefeitos e secret?rios municipais de Sa?de se reuniram para discutir o assunto

 Galeria de Fotos

 Veja Também