Secretarias Administração Assist. Social Desenv. Econômico Educação e Cultura Esporte e Lazer Finanças e Planejamento Gabinete Obras Saúde Serviços Urbanos Serviços Rurais

ÚLTIMAS NOTÍCIAS / URBANISMO

Deixar Ubiratã organizada, limpa, bela e em condições de continuar recebendo mais moradores está sendo um desafio


A secretaria de Serviços Urbanos e Pavimentação é o setor responsável pelos serviços essenciais que deixam a cidade mais bonita, organizada, limpa e em condições de receber um número maior moradores. E com o processo de desenvolvimento pelo qual o município vem passando, administrar todo esse crescimento e consequentemente o aumento da demanda dos serviços está sendo um desafio para a Administração Municipal.

 

O secretário de Serviços Urbanos, Rodrigo de Oliveira D’Alécio, relata que há 10 anos, Ubiratã não tinha nenhum loteamento e que agora há pelos 15 e mais projetos para construção de novos bairros. De acordo com ele, a cidade cresce e apesar dos problemas enfrentados com isso, é gratificante vivenciar o progresso de Ubiratã.

 

 

CAÇAMBAS

“É muito prazeroso para nós da municipalidade administrar esse tipo de problema que enfrentamos. Hoje temos mais de 700 construções em Ubiratã, isso gera muitos benefícios, mas também acarreta problemas, como muitos entulhos em vias públicas, por isso, implantamos o sistema de caçambas para depósitos de entulhos e vamos intensificar a fiscalização das construções, por isso, peço que utilizem as caçambas e não deixem entulhos na rua porque vai para galerias de águas pluviais e entope os bueiros”, disse.

 

 

TERRENOS BALDIOS

A administração municipal trabalha constantemente para resolver a questão da limpeza dos bairros. De acordo com o secretário Rodrigo, a prefeitura tem feito mais do que compete a ela para deixar a cidade limpa e mais bela. “Realizamos um levantamento e constatamos que atualmente existem 630 terrenos baldios no município. Não é responsabilidade da prefeitura realizar limpeza de terrenos em loteamentos. Porém, por enquanto a prefeitura tem realizado o serviço de limpeza desses terrenos gratuitamente. Mas já está sendo elaborado um projeto para que seja cobrada uma taxa por esse serviço. A administração municipal está organizando uma licitação para terceirizar o serviço de limpeza pública. Uma empresa presta o serviço para a prefeitura e a prefeitura faz o pagamento e depois cobra do proprietário e se ele não recolher será multado. Pensamos em fazer esse serviço de 3 a 4 vezes por ano para manter sempre limpo os lotes e a cidade mais agradável”, explicou o secretário de Serviços Urbanos.

 

 

TERCEIRIZAR A LIMPEZA

Para Rodrigo D’Alécio, a prefeitura necessita terceirizar o serviço de limpeza, pois a cidade está crescendo a cada dia e na contramão desse desenvolvimento há uma dificuldade para contratação através de concurso público de servidores para realizar tal tipo de trabalho.

 

“Notamos que está acontecendo uma mudança no perfil dos trabalhadores ubiratanenses, pois há pouca procura no concurso para ocupar vagas de garis e serviços gerais, isso demonstra também que as pessoas estão querendo um trabalho mais qualificado, porém, isso dificulta a execução dos serviços de limpeza. Por outro lado também, por mais que contrate novos funcionários e adquira mais equipamentos, com o crescimento da cidade sempre vai haver dificuldade para manter a cidade limpa e organizada, mas isso se tornou um desafio, pois somos privilegiados de acompanhar o desenvolvimento de nosso município, porque enquanto muitas cidades da região perdem população, Ubiratã ganha mais moradores. Vale enfrentar esse desafio para o progresso de Ubiratã”, comentou o secretário.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social

Data de Publicação: 01/07/2014

A dificuldade em se encontrar pessoas para trabalhar nos serviços de limpeza pública fazem com que a administração pense em novas alternativas Credito: Valdir Silva Os serviços essenciais, como a coleta de lixo, tiveram que ser ampliados, devido ao grande número de novos loteamentos Todas os restos de construção e de reformas devem ser depositados em caçambas; a fiscalização está sendo intensificada Descaso de proprietários de imóveis pode estar sujeito a multas por ocasionar possíveis riscos a saúde pública Está sendo elaborado projeto para que o pagamento da limpeza de terrenos abandonados seja feito pelos proprietários

 Galeria de Fotos

 Outras Notícias

Horário de Atendimento: Segunda à Sexta-feira: das 8h00 às 12h00 e das 13h30min às 17h00
(44) 3543-8000