X

FORMA??O

Ubiratanenses participam dos cursos de frentista e motorista de transporte escolar


Ouvir matéria

A aula inaugural dos cursos de frentista e motorista de transporte escolar foi realizada na segunda-feira (14), na Sala do Treinamento da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Ubiratã. O gerente do SENAT (Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte) de Cascavel, Carlos Bonamigo Junior ministrou essa primeira aula para apresentar aos alunos as metodologias que serão aplicadas nos cursos. Em um primeiro momento, as aulas tanto do curso de frentista como o de motorista de transporte escolar será ministrada pela instrutora ubiratanense Renata Menon e depois por um professor técnico do SENAT.

 

Os cursos oferecidos pelo SENAT são para formar frentistas e para preparar motoristas para atuar no Transporte Escolar. O curso de frentista está sendo realizado com 30 participantes e terá como carga horária 160 horas. Já o curso para motorista de transporte escolar conta com 20 participantes e terá também 160 horas de aulas.

 

Participaram também da aula inaugural a agente de intermediação Roselena Vieira, a responsável pela Agência do Trabalhador, Nelma Knack e o secretário de Desenvolvimento Econômico, Antonio Hideraldo Magron que destacou a importância da realização de cursos profissionalizantes em Ubiratã. “Com esses cursos estamos oferecendo aos trabalhadores ubiratanenses formação teórica e prática para que eles possam ter uma melhor qualificação profissional”, destacou Magron.

 

Para a secretária de Assistência Social, Eliane Omori Duarte, esses cursos abrem novas portas, traz especialização e mais incentivo para os profissionais e para os empresários que buscam a contratação. “É muito importante a qualificação profissional como elemento fundamental para que o trabalhador tenha uma nova perspectiva de vida e o empregador tenha um funcionário habilitado para a função”, disse.

 

O prefeito de Ubiratã, Haroldo Fernandes Duarte relata que a administração municipal trabalha para oferecer qualificação profissional para que os munícipes possam ingressar no mercado de trabalho e ter melhor qualidade de vida. “É preciso oferecer aos nossos trabalhadores cursos técnicos para que eles possam ser cada vez mais competitivos, obtendo assim um bom trabalho e mais renda para se ter uma vida melhor”, disse Baco.

Fonte: Assessoria de Comunicao Social

Data de Publicação: 16/07/2014

A aula inaugural foi ministrada pelo gerente regional do SENAT Crédito: Valdir Silva
Legenda: A aula inaugural foi ministrada pelo gerente regional do SENAT

 Galeria de Fotos

 Veja Também