Av. Nilza de Oliveira Pipino, 1852 - CEP 85440-000 | (44) 3543-8000 | ubirata@ubirata.pr.gov.br
Acessibilidade

PROGRAMA SUB 50

Constru??o das 25 casas no Jardim Josefina ser?o retomadas com nova empresa executando as obras

Como a obra estava atrasada, o município avisou a Cohapar, que por sua vez, cobrou a Construtora Marma que não atendeu a reivindicação e, portanto, teve seu contrato rescindido


Ouvir matéria

A continuidade das obras de edificação das 25 casas do Programa Sub 50 do Governo Federal que estão sendo construídas no Jardim Josefina II deve ser retomada dentro dos próximos dias. Os trabalhos ficaram temporariamente paralisados após a equipe técnica da Secretaria de Obras e da Divisão de Convênios do município fiscalizar e verificar uma lentidão da execução da obra.

 

Diante da verificação do atraso no cronograma, o município de Ubiratã solicitou da Cohapar, órgão do Governo do Estado responsável pela contratação da empresa construtora, uma maior agilidade na execução das obras.

 

De acordo com a Companhia de Habitação do Paraná, a Construtora Marma foi notificada e como não apresentou nenhuma evolução do cronograma da obra, teve o contrato rescindido. Uma nova empresa, a Martins MA Construtora, está sendo contratada, e a partir de agora, dará continuidade aos trabalhos de construção das 25 casas do Programa Sub 50.

 

O secretário de Obras, Reginaldo Retamero, informou que um mestre de obras da nova empresa que dará continuidade aos trabalhos já esteve em Ubiratã para verificar o que já foi realizado. “Os engenheiros da construtora também já programaram a vinda à Ubiratã para viabilizarem a retomada, dando assim prosseguimento a execução da obra que deverá ser reiniciada nos próximos dias”, disse.

 

Para o prefeito de Ubiratã, Haroldo Fernandes Duarte, a Administração Caminhando para o Futuro não tem medidos esforços para que haja uma maior agilidade na execução dessa obra tão importante para melhoria da qualidade de vida dos moradores daquela região. “São 25 famílias que serão beneficiadas com essas moradias. Ubiratanenses que deixarão de morar em uma área de risco e passarão a viver bem melhor em uma casa nova. Por isso, a necessidade da agilidade na construção dessas moradias, pois além de ser uma obra construída com cimento e tijolos, é também uma obra social, que vai proporcionar mais qualidade de vida às famílias daquela região”, comentou o prefeito Baco.   

Fonte: Assessoria de Comunicação Social

Data de Publicação: 21/08/2014

As obras serão retomadas em breve; dessa feita quem conduzirá a construção é a empresa Martins MA Construtora Crédito: Valdir Silva
Legenda: As obras ser?o retomadas em breve; dessa feita quem conduzir? a constru??o ? a empresa Martins MA Construtora

 Galeria de Fotos

 Veja Também