Av. Nilza de Oliveira Pipino, 1852 - CEP 85440-000 | (44) 3543-8000 | ubirata@ubirata.pr.gov.br
Acessibilidade

TROCA DE EXPERI?NCIAS

Profissionais ubiratanenses participaram do XXX Congresso Estadual das Secretarias Municipais de Sa?de


Ouvir matéria

 

Aconteceu nos dias 1, 2 e 3 de dezembro, em Foz do Iguaçu, o XXX Congresso de Secretarias Municipais de Saúde do Paraná. Cerca de 400 congressistas (gestores de profissionais de saúde do Paraná) participaram de mesas, oficinas e debates com foco no tema: "Gestão do Trabalho: Cuidando de quem cuida!". De Ubiratã estiveram presentes as enfermeiras Laura, Nagili, Solange, a fisioterapeuta Libna, e a nutricionista Vandrea. Ubiratã apresentou 3 trabalhados na Mostra de Experiências Municipais em Saúde Pública: “Paraná: aqui tem SUS”:

 

A enfermeira Solange, apresentou Educação em Saúde no Pré-Natal. “Valorizar a educação em saúde no Pré-Natal como transformadora de realidades é considerar a construção do conhecimento a partir de experiência, informações e vivências trazidas em uma perspectiva participativa valorizando o poder de voz da gestante, enquanto mulher e cidadã, pois isso é à base do trabalho”.

 

Libna Brey, fisioterapeuta do município de Ubiratã, da equipe de saúde do NASF, apresentou o trabalho: FISIOTERAPIA, TRABALHANDO EM GRUPOS. Onde o tema abordado foi uma das ações do NASF que realiza junto aos usuários, ressaltando as triagens de fisioterapia, os pacientes encaminhados aos grupos de fisioterapia postural que acontecem 3 vezes por semana no ginásio de esportes, visando dessa forma otimizar os atendimentos do município e a melhora na qualidade de vida dos usuários. “Mesmo não realizado em local adequado vem dando resultados fantásticos e os profissionais médicos têm encaminhados cada vez mais os pacientes ao serviço de fisioterapia parta o atendimento em grupo”.

 

Vandrea, a nutricionista apresentou o trabalho: MUDANÇA DE HÁBITOS ALIMENTARES E MELHORIA NA QUALIDADE DE VIDAEMAGRECER EM GRUPO: Grupo de reeducação alimentar com o objetivo de informar o paciente sobre hábitos alimentares saudáveis e mudanças no comportamento alimentar, prevenindo o aparecimento de doenças futuras e obter perda de peso gradativa. Realizando encontros mensais com a uma a psicóloga Tatiana Gotardo e a nutricionista Vandrea Cristina Esteves, do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), inicialmente eram direcionados ao grupo pacientes encaminhados para o serviço da nutrição com sobrepeso e obesidade grau I e II, que pretendiam perder peso e não apresentavam comorbidades (diabetes, pressão alta, etc). Agora o grupo foi ampliado para atender qualquer pessoa que desejasse conhecer os benefícios da boa alimentação e como colocar em prática. Nessas reuniões foi discutido com o grupo os problemas e dificuldades que eles apresentavam para emagrecer. Foi realizada também uma psicoeducação, demonstrando como as cognições estão intrinsecamente relacionadas com as emoções e comportamentos, podendo interferir no emagrecimento. Foi explicado o que é obesidade e suas consequências, apresentado a pirâmide dos alimentos, seus grupos e porções, falado sobre reeducação alimentar, usado também figuras ilustrativas como forma de impacto, foi entregue um planejamento alimentar como forma de auxilio para as escolhas dos alimentos e horários das alimentações. Em cada reunião, o paciente é pesado, sendo observado redução de peso e motivação/satisfação por parte dos mesmos. “Podemos observar que a maioria está conseguindo aos poucos mudar os seus hábitos e com isso obter a perda de peso desejada”.

 

Para nutricionista a Vandrea, a enfermeira Solange e a fisioterapeuta Libna, foi uma experiência enriquecedora, visto que muitos municípios apresentaram trabalhos interessantes na área  de vigilância sanitária, informática e programação, fortalecimento e empoderamento  do NASF na atenção básica, entre outros, experiências que poderão ser adequadas a  nossa realidade para qualificar e quantificar o nosso trabalho, porem muitas dessas  ações já estão sendo executadas no nosso município, como os grupos de reeducação  alimentar e atividade postural, Ubiratã mais ativa, grupo de gestantes, grupos de  hiperdia, fortalecimento ao pré natal e aleitamento materno, grupo de cuidadores, grupo de mulheres, entre muitos outros. “Está é uma grande oportunidade dividirmos saberes, e ampliar nosso conhecimento, pois as experiências exitosas em outros municípios podem ser aplicadas também em Ubiratã. Isso mostra o interesse do prefeito Baco em melhorar sempre a Saúde”, destacou as profissionais.

 

Além das apresentações de experiências municipais tiveram também mesas que debateram assuntos da gestão como: Governança Regional da Região de Saúde; Política de Promoção da Saúde dos Trabalhadores do SUS; Gestão do trabalho na Atenção Básica; “Integração Serviço e Ensino: desafios e perspectivas”; financiamento na saúde. “Todos esses assuntos são do nosso dia a dia na gestão municipal, espaços como esse nos ajudam a ampliar nosso conhecimento, melhorando a gestão financeira da saúde, a saúde do nosso trabalhador, e a assistência a saúde da população.  A maior parte dos programas implantados em Ubiratã como o da gestantes, CAPS entre outros foram frutos de congressos como esses”, disse Cristiane Martins Pantaleão, secretária de Saúde.

 

Ainda de acordo com a secretária de Saúde de Ubiratã, este congresso foi promovido pelo conselho ao qual ela é presidente, o (COSEMS – Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Paraná). “Foi um grande momento, um grande congresso. Toda equipe envolvida com a organização é extremamente competente. Quem colaborou para que este congresso fosse possível foi a prefeitura e secretaria de saúde de Foz do Iguaçu, Secretaria de Saúde do Estado do PARANA, Ministério da Saúde, Organização Pan Americana de Saúde OPAS, e principalmente equipe do COSEMS e CONASEMS. A avaliação do congresso foi muito boa, todos os gestores e profissionais de saúde saíram contentes com os assuntos abordados, pois nos esforçamos para oferecer um conteúdo que vem de encontro as necessidades da gestão municipal, além de implementar a atenção a saúde da população”, relatou Cristiane Pantaleão.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social

Data de Publicação: 15/12/2014

Cristiane Pantaleão avaliou positivamente a realização e a participação de todos no congresso Crédito: Divulga??o
Legenda: Cristiane Pantale?o avaliou positivamente a realiza??o e a participa??o de todos no congresso

 Galeria de Fotos

 Veja Também