Av. Nilza de Oliveira Pipino, 1852 - CEP 85440-000 | (44) 3543-8000 | ubirata@ubirata.pr.gov.br
Acessibilidade

AVALIAR PARA MELHORAR AINDA MAIS

Realizada a primeira avaliação das atividades do Hospital Santa Casa de acordo com o novo contrato celebrado com o Município de Ubiratã


Ouvir matéria

Foi realizada neste mês, a primeira avaliação das atividades do Hospital e Maternidade Santa Casa de Ubiratã, de acordo com o novo contrato celebrado com o Município de Ubiratã. A base fundamental desse contrato é a pactuação de um Plano Operativo Anual - POA entre hospital e município que tem por objetivo definir a missão institucional da Instituição Hospitalar no âmbito do modelo assistencial estabelecido para o SUS/Paraná, definir as suas áreas de atuação, estabelecendo indicadores de desempenho e metas quantitativas e qualitativas a serem monitoradas para o acompanhamento e a avaliação da efetividade do contrato celebrado, visando a valorização do SUS através de um atendimento cada vez mais qualificado e humanizado a população.

 

O POA prevê o alcance de 66 metas qualitativas no tocante a Assistência à Saúde (Assistência Integral à Saúde, Assistência Ambulatorial Eletiva, Atendimento ambulatorial de Urgência/Emergência, Atendimento hospitalar de Média Complexidade: Atendimento Clínico/Cirurgia de Urgência/Emergência, Retaguarda a Programas Especiais do SUS: Programa Rede Cegonha, Mãe Paranaense, Programa de Atenção à Saúde de Pessoas em Situação de Violência, de acordo com o protocolo, Participação do Programa de Saúde Mental, Retaguarda Saúde do Trabalhador, Programa Urgência/Emergência), Gestão, Ensino e Pesquisa; e Avaliação.

 

Também são avaliados o Acolhimento dos pacientes, familiares e acompanhantes; Desenvolvimento de abordagem interdisciplinar; Cuidado médico, de enfermagem e de nutrição; Assistência de Urgência e Emergência; Assistência Materno-Infantil; Fornecimento de medicamento e material médico-hospitalar ao paciente internado; Garantia de estrutura de apoio diagnóstico; Manutenção e atualização do prontuário do paciente; Segurança do Paciente.

 

A comissão de avaliação é formada pelas representantes da prefeitura Camila, Cristiane, Flavia, Laura e Viviane, pelo Conselho de Saúde nesta avaliação representado pelo Sr. Luís Carlos Pereira e pela Dra. Célia, Francis, Laís e Nilza que representam o Hospital. Os valores repassados ao hospital também estão adstritos a essa avaliação.

 

A avaliação realizada foi bem sucedida e revelou o quanto o hospital vem melhorando seu atendimento nos últimos meses, tendo em vista que 98% das metas foram alcançadas. Para tanto, foram horas de análise de documentos, registros e ações que compõe cada meta, sendo que foi amplamente discutida cada uma delas resultando num aprendizado extraordinário não só ao hospital, mas também ao município, que acatou diversas sugestões para implantar na sua área de atuação que proporcionarão uma simetria cada vez maior entre as partes fortalecendo essa parceria fundamental, não só ao município como para a microrregião que se forma em nosso entorno.

 

Além desta comissão de avaliação, o hospital também é monitorado por uma comissão da regional de saúde composta por representantes do Governo do Estado, Conselho de Saúde e dos municípios de Altamira do Paraná, Campina da Lagoa, Juranda, Mamborê e Nova Cantú (que formam a microrregião).

 

É importante reconhecer o empenho do Governo Estadual e do Governo Federal que vem aumentando o apoio financeiro ao hospital com equipamentos e recursos para custeio dos serviços. Outra contribuição fundamental vem do apoio da população por meio de doações e da parceria com a igreja católica que faz muita diferença nesse avanço do hospital.

 

O próximo passo é a ampliação do atendimento. E para consecução desse objetivo vamos continuar unindo esforços em busca de mais profissionais, mais recursos financeiros e do fortalecimento do atendimento regional.

 

Para o representante dos usuários no Conselho de Saúde, Luís Carlos Pereira, foi muito importante a oficialização das metas para todos saberem da responsabilidade que o hospital tem perante o atendimento aos pacientes do SUS. “Através desta avaliação detectamos uma melhora no atendimento, e é preciso continuar avaliando para melhorar ainda mais”, destacou Luís.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social

Data de Publicação: 14/03/2017

 Galeria de Fotos

 Veja Também